6 FATORES QUE INTERFEREM NO CLIMA ORGANIZACIONAL

O clima organizacional é o conjunto de valores e atitudes, sentimentos e padrões de comportamento que as pessoas partilham a respeito da organização e do ambiente de trabalho.

O clima está diretamente relacionado com a satisfação e motivação dos colaboradores já que o ambiente de trabalho conflituoso, tenso e desarmonioso pode ocasionar prejuízos aos colaboradores e à organização.

Clima Positivo

Quando o ambiente é positivo e construtivo, existe a satisfação, a responsabilidade, a motivação e maior desempenho dos profissionais.

O clima é tão significativo quanto as questões salariais, sendo um dos componentes responsáveis pela retenção ou perda dos talentos das organizações, além de ser considerado um dos pilares para o crescimento, sucesso e ganho de competitividade empresarial.

6 Fatores Interferem no Clima Organizacional

Destaquem-se 6 fatores que interferem no clima organizacional e que podem ser trabalho pela Área de Gestão de Pessoas e lideranças da organização:

1) Falta de adaptação à cultura da empresa: ocorre quando o colaborador não se identifica com a cultura da organização, nem com a sua missão, visão e objetivos.

2) Ausência de pesquisas diagnósticas ou de clima organizacional: para saber como anda o clima na empresa é preciso aproximação com os colaboradores. Para isso, muitas organizações recorrem à aplicação da pesquisa de clima e conseguem mensurar indicadores que contribuem para descrever a realidade do ambiente de trabalho e assim estabelecer as estratégias.

3) Líderes despreparados: nem toda pessoa investida em um cargo de liderança está habilitada para gerir outros profissionais. Um líder despreparado pode tornar a equipe desmotivada e insatisfeita. Dessa forma, o papel dos líderes requer o exercício constante do bom relacionamento interpessoal, comunicação eficaz, além de equilíbrio emocional para que haja constante crescimento de sua equipe e alcance dos resultados esperados.

4) Falta de respeito aos profissionais: os colaboradores precisam de respeito, reconhecimento, motivação e devem ser vistos pelo “holos” (todo) e não apenas como um recurso para suprir determinada necessidade organizacional. Casos de assédio moral devem ser banidos das organizações.

5) Comunicação ineficaz: a organização que não exerce uma comunicação interna clara, objetiva, transparente, sem desvios ou barreiras, podem dar margens aos boatos e fofocas, comprometendo o clima organizacional.

6) Baixa Qualidade de Vida no Trabalho: não há clima organizacional positivo se a empresa não apoia e investe na melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores. Isso inclui qualidade na saúde física, emocional e incentivo a hábitos de vida saudáveis que promovam saúde e bem estar.

Gestão do Clima Organizacional

Para gestão eficaz do clima organizacional as empresas utilizam-se de pesquisas que oferecem diagnósticos importantes no entendimento de sua dinâmica, identificando as expectativas, anseios e necessidades dos funcionários, compreendendo as aspirações e percepções que estão presentes em determinado contexto de trabalho.

Em plena era do conhecimento as organizações podem cuidar cada vez mais do seu principal patrimônio que são as pessoas, se conscientizando da necessidade de oferecer um clima favorável e construtivo de trabalho, não apenas com bons salários, mas por meio de um ambiente saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aviso Legal: O resultado individual varia conforme o nível da habilidade aprendida, a dedicação e o esforço de cada participante. Dispensar

X