ADAPTABILIDADE: QUESTÃO DE MENTE ABERTA

Mente aberta

Adaptabilidade não existe sem uma mente aberta.

A princípio, o grande pesquisador sobre adaptabilidade foi Charles Darwin. Em sua Teoria sobre a Evolução das Espécies ele descobriu que não eram as espécies mais fortes nem as mais inteligentes que sobreviviam e sim, aquelas que melhor se adaptam às mudanças.

Da mesma forma, isso ocorrem em nossas vidas tanto na área pessoal quanto profissional. Imagine os recém-casados, aqueles que não se adaptam a novos papeis e à vida a dois, certamente não conseguirão seguir juntos. Nesse caso, compreender o outro, ceder um pouco, adaptar-se à novas rotinas são fundamentais para o sucesso no relacionamento.

Mas essa ideia não fica circunscrita aos relacionamentos românticos. Nas organizações adaptabilidade é a palavra de ordem.

Como por exemplo, o início de um novo trabalho também requer uma série de adaptações, seja no comportamento ou alinhando-se à cultura da empresa.

De fato, somos seres sociais, a adaptabilidade é uma habilidade social, uma competência emocional cuja ausência gera limitação na adaptação social bem sucedida em qualquer contexto.

Mente Aberta

Sobretudo, para desenvolver a adaptabilidade é necessário ter mente aberta, examinar as coisas por vários ângulos, ouvir opiniões diferentes das suas. Na Psicologia Positiva essa é uma força pessoal que faz parte da Virtude da Sabedoria.

Com essa força desenvolvida a pessoa é capaz de mudar de ideia diante das evidências e analisar as situações e fatos de maneira imparcial.

Assim, ela consegue ver as coisas a partir de mais de um ângulo ou perspectiva e está particularmente preparada para tempos de mudança e transição, além de neutralizar pensamentos fixos ou tendenciosos, o que contribui para tomar decisões mais acertadas.

Felizmente, todos nós de forma deliberada e consciente, podemos desenvolver essa habilidade tendo como foco a melhoria pessoal.

Desenvolva a Adaptabilidade por meio da Mente Aberta

Definitivamente, para desenvolver a Mente Aberta, é necessário desafiar suas crenças, convicções e ir além do convencional. No jargão popular, significa “sair da zona de conforto”. Para isso, a mudança de mentabilidade  de “Mindset Fixo para o de Crescimento” é fundamental, embora possa levar mais tempo para aquelas pessoas que possuem crenças muito enraizadas.

Entretanto, pequenas atitudes podem abrir a sua mente.  Por exemplo, ouça uma música ou um filme diferente que normalmente não selecionaria. Se você tem uma opinião firme sobre algo ou alguém, busque informações que refutem sua ideia. Pratique a empatia, tenha paciência de ouvir e se conectar com pessoas diferentes de você.

Sem dúvida, essas ações ajudam a expandir o pensamento, que é o primeiro passo para a adaptabilidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *